Publicado por: China Trade Center | 29/01/2009

Shanghai: a China moderna

shanghai11

Shanghai cujo nome significa “acima do mar”, é  sem sombra de dúvidas mostra a evolução chinesa e a moderna China para o mundo. Maior cidade da China com 17.110.000 habitantes e 6.340 quilômetros quadrados, Shanghai como toda metrópole que se preze ainda mescla culturas, etnias e influências.

Há pouco mais de dez anos, quando Deng Xiaoping visitou Shanghai e pontapé inicial para o desenvolvimento de Pudong, não existiam ali mais do que alguns armazéns e depósitos de armadores e pescadores construídos em terrenos pantanosos que tiveram que ser drenados antes do arranque das novas edificações.

O cenário visível na novíssima zona de Pudong, na margem direita do rio Huangpu, espelha bem o desenvolvimento reinante na cidade. A Oriental Pearl Tower partilha o domínio dos céus da “Manhattan” de Shanghai com a Jin Mao Tower, um arranha-céu construído em forma de pagode futurista com 420 metros de altura. A subida até ao último dos seus 88 andares é estonteante, num elevador que viaja à velocidade de 9 metros por segundo. Um ponto ideal para desfrutar de uma magnífica panorâmica sobre a cidade. Mesmo ao lado, está o World Financial Center, prédio mais alto do mundo no ano de 2007, com 94 andares e 460 metros de altura!

shanghai-tv4

shanghai-financial27

Shanghai Tv Tower / World Financial Center

Na outra margem, a atmosfera do Bund faz lembrar um pouco o Malecón de Havana (assim estivesse devidamente restaurado). Os seus 52 edifícios neo-clássicos construídos entre os anos 20 e 30, testemunharam várias guerras, mas também o apogeu da cidade como centro comercial mais importante do Extremo-Oriente. Destaque para o edifício da Alfândega, cuja torre de relógio recria o som do Big Ben de Londres; o famosíssimo Peace Hotel (antigo Cathay Hotel), obra-prima do Art-Déco; e a antiga sede do Hong Kong and Shanghai Bank, com a sua cúpula, onde ainda brilha a estrela vermelha colocada pelos comunistas em 1949.

shanghai_bund12

The Bund

Ao cair da noite, nada melhor que um passeio calmo ao longo do rio Huangpu, tendo por cenário os edifícios históricos iluminados, de um lado e, do outro, os arranha-céus e seus neons.

bund1

shanghai011051

Rodeado por uma cintura industrial e por uma floresta de arranha-céus, o centro de Shanghai é compacto bem muito diferente das avenidas largas de Pequim. Pelas ruas se vê ainda muitas bicicletas, desafiadas pelo crescente número de carros.

A “Cidade Velha” de Shanghai corresponde, hoje, a uma verdadeiro centro comercial,  com entre pavilhões reconstruídos, templos taoístas e lojas velhas e modernas com tudo o que se possa imaginar (e a todos os preços). Milagrosamente preservados da voragem comercial que os rodeia, os jardins Yu Yuan, criados na dinastia Ming (Século XVI), oferecem ao visitante um verdadeiro oásis de paz e tranquilidade, que se estende à centenária casa de chá no pavilhão situado a meio do lago.

yuyugarden1

Yu Yu Garden

Derivados de antigos tempos ainda é possível encontar em Shanghai construções ao estilo francês como no bairro de Xintiandi, , especialmente preservado por um grupo imobiliário de Hong Kong que lhe restaurou e criou ruas pedonais, lojas, restaurantes, cafés e esplanadas. Os visitantes asiáticos e ocidentais passeiam-se pelas ruas e admiram os edifícios daquilo que resta da velha Shanghai, como se de um museu vivo se tratasse, mesmo com as vigentes mudanças urbanísticas em Shanghai.

xintiandi1

Xintandi

Para apaixonados por museus, o Museu de Shanghai é onde é possível se admirar as melhores galerias de bronzes, esculturas, porcelanas, gravuras, selos, mobiliário, vestuário e moedas antigas, a par de exposições temporárias de coleções de arte internacionais.

shanghai-museum-of-history1

A cidade ainda apresenta o Shanghai Science and Technology Museum , um belíssimo museu em estilo moderno.

technology1

Outro bom passeio e bom local de compras para viajantes é a Najing Lu, localizado no centro da cidade é uma das avenidas com mais de 10km e artéria principal de compras.

nanjing-road81


Responses

  1. Puxa…
    Muito legal…
    Me ajudou demaiis num trabalho escolar…
    Bem criativo,organizado,comunicativo…
    Gosteii…
    Parabéns aí…
    Fiquem com Deus!!
    Bjus!!!

  2. […] importância de Ningbo também se dá pela próxima com outras grandes cidades, como Shanghai, localizado na baía de Hangzhou. Em 2008 para ajudar na conexão entre as duas cidades foi […]

  3. Me ajudou muito !
    Muito bem estruturado


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: