Publicado por: China Trade Center | 14/06/2011

Preço do minério sobe na China, mas produção de aço continua forte

Como resultado da demanda de siderúrgicas chinesas, tonelada do minério de ferro subiu para US$ 180; alta sugere que atividade da construção e siderúrgica não desacelerou

PEQUIM – Os preços do minério de ferro no mercado à vista (spot) subiram para US$ 180 a tonelada, incluindo o custo do frete, como resultado da contínua demanda de siderúrgicas chinesas, apontaram dados divulgados pela Metal Bulletin.

A recuperação se segue à queda de 7% registrada durante o período de 6 de maio a 3 de junho, para US$ 177 a tonelada, à medida que o abrandamento das commodities globais, os cortes nos preços domésticos dos produtos siderúrgicos e o aperto das condições macroeconômicas reduziram o apetite por compra.

No entanto, a alta maior do que a esperada dos dados das importações da China de minério de ferro, divulgada na sexta-feira, sugere que a atividade de construção e siderúrgica não desacelerou significantemente.

A desaceleração no índice gerentes de compras (PMI, em inglês) da China em maio somente reflete uma queda nos setores de refino e marketing até agora, enquanto a produção e exploração permanecem fortes, disse Henry Liu, diretor regional de pesquisa de commodities para a Mirae Asset Securities.

A produção de aço bruto em maio deverá permanecer nos níveis recordes, afirmou Liu, Os dados oficiais da produção serão anunciados amanhã.

Embora a demanda por minério de ferro pareça “bastante sólida” no momento, os desafios continuam com o aumento dos estoques e o atual aperto de crédito, destacou a Mirae.

Os novos empréstimos em yuan diminuíram em maio em comparação com o mês anterior, de acordo com dados oficiais divulgados hoje.

Os estoques de minério de ferro nos principais portos chineses alcançaram o volume recorde de 92,5 milhões de toneladas no final de maio. O recorde anterior, de 89 milhões de toneladas, foi atingido durante a crise financeira mundial. As informações são da Dow Jones.

Fonte: Clarissa Mangueira, da (Agência Estado)

Curta/Siga a China Trade Center nas Redes Sociais.


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: